sexta-feira, 25 de abril de 2014

Novo e antigo Capacheck - Capameter...


É o mesmo circuito do capacheck, capameter, desistimos do circuito anterior por ele ter o problema da escala, veja as duas abaixo, note que o espaço para se visualizar valores baixos de ESR do antigo é 10 vezes menor, o que dificulta distinguir valores abaixo de 1 ohm, a imagem abaixo diz tudo.
Tabela de ESR enviado junto ao kit.
​O circuito do capacheck antigo, não suportava alterações para melhorar a visualização de ESR baixa, que é a maioria dos capacitores mais utilizados nos tvs novos, que é tudo acima de 100uF, o espaço pequeno na escala, induzia o técnico a achar que tudo quanto capacitor grande, estava bom.

Agora não! por que há uma variação grande no deslocamento do ponteiro, outro ponto era o ganho do operacional utilizado, que fazia captar interferência das fontes chaveadas e das lampadas fluorescentes, e o ajuste de zero não batia, quando se ia medir um capacitor de 1000uf por exemplo o ponteiro passava do ajuste de zero.

Esse errinho, só foi possível contornar, criando o oscilador e o comparador duplo, assim cada lado dele pode ser balanceado independente do outro e aumentar o ganho, sem que houvesse problemas com interferências externas.

A medição de ESR é a mesma, somente foi melhorado a escala e contornado os demais problemas da outra placa, funcionava bem! Para TVs de tubo, que utilizava muitos capacitores pequenos (de valor pequeno) já as novas TVS, utilização capacitores de filtro com grandes capacidades, e também os capacitores de placa mãe, ou seja tecnologia nova, medidor novo de acordo com nossas necessidades.

Tentei de todas as formas criar alterações nas placas antigas, pensando em passar para quem quiser fazer o upgrade no medidor capameter, mas não deu, o circuito é amarrado e não suporta alterações. Para terem uma ideia, dá para utilizar esta nova placa como medidor de resistores de baixo valor.

Adendo de ultima hora:

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Ou seja, zerou o medidor, mediu um:

- Capacitor de até 1μF, se a leitura ficar abaixo de 10Ω está bom, deu um valor acima está ruim;

- Capacitor acima de 1μF até 10μF: leitura abaixo de 4,0Ω está bom, deu um valor acima está ruim;

- Capacitor acima de 10μF até 100μF: leitura de abaixo de 1Ω está bom, deu um valor acima está ruim;

- Capacitor acima de 100μF até 1000μF: leitura de abaixo de 0,12Ω está bom, deu um valor acima está ruim;

- Capacitores acima de 1000μF desde 3V a 400V tem que ter uma ESR baixa, abaixo de 0,1Ω.

Quando o valor estiver próximo ao máximo especificado pela tabela e ou levemente acima, ai sim, a 

consulta ao datasheet e ou a comparação com outro capacitor de mesma característica deve ser levada em 

consideração.

Consultar a tabela de valores por tensão e ou datasheet, é o aconselhável para laboratório e ou testes precisos, 

caso contrário use a tabelinha pequena.

Procure não ver no capacitor apenas como “capacitância e voltagem”, e sim um grupo de informações, que 

determinam o quanto, o que é, e para que é indicado.

Na bancada, leve em consideração a área em que o capacitor esta localizado, de nada vai adiantar colocar

um capacitor de ESR baixa em um local aonde se tem um chaveamento alto de Khz, pois isso vai desde de não 

funcionar, á ter uma vida extremamente curta. Esse tipo de raciocínio é que deve ter o técnico na hora de reparo 

e não apenas trocar o capacitor.
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Abraço.

quarta-feira, 23 de abril de 2014

Vu meter com LM3915


Não há diagrama, pois fora utilizado o próprio datasheet do LM3915, a alimentação do circuito foi de 5V, assim não se utiliza resistores limitadores de corrente para os leds (barras) o consumo todo no modo barra ficou em 400 mA.

Modo barra:


Modo ponto:
O modo "ponto" precisa de uma correção no delay do circuito, assim é preciso aumentar consideravelmente o valor da capacitância do capacitor tanque, da entrada do circuito, no mais dá para ver o resultado do arranjo.


Modo barra + ponto


No exemplo acima, utilizamos 5 integrados LM 3915, porém no datasheet, não encontrei nada a respeito da quantidade permitida, sendo assim, creio que o limite é o "bolso" de cada um.

Abraço.

quarta-feira, 9 de abril de 2014

Vu Meter 60dB - 20 leds - Part 2


Vu Meter 60dB - 20 leds - Atualização.

Artigo publicado na revista ELEKTOR de 2002 com o título de "Small Circuits Collection" do autor "RIKARD LALIC" da Slovenia a qual cedeu gentilmente as fotos do kit montado por ele, e como havia prometido um pouco tarde agora, mas publicando o artigo no blog juntamente com os créditos dele.

Clique nas imagens para zoom
E-mail traduzido:

Olá Márcio
Na sequência da modificação 20LED 60dB VU-Meter. Tenho construído e testado com sucesso o circuito avançado. Com isto eu incluo a documentação ZIPed para você. Inicialmente eu estava pensando em publicá-lo em Elektor como artigo adendo, mas eu não tenho nenhuma delas respondem por meses. Diagrama e fotos Shematic pode ser livremente redistribuído e publicado com referências.
Lista elementos antigos e correções Tenho enviado anteriormente, no ano passado (modificação de idade), em que apenas um produto de cálculos, não testada. Eles são esperados para funcionar bem sem o diodo de proteção de polaridade, D21 é substituída por uma ligação de ponte (curto), de modo que o circuito fica completo +5 V, mas não há proteção de polaridade.
Cumprimentos
Rikard.
Clique na imagem para zoom

Abaixo novas fotos do Rikard, muito bacana o aspecto final da montagem, espero que apreciem o capricho na montagem.
                        
Arquivo PDF sobre o artigo original do Rircard ode ser baixado AQUI.